A 1ª It Girl



Nos últimos tempos um termo está sendo muito usado na mídia para caracterizar as garotas “fashionistas” que vem acompanhadas de seu estilo impecável e adotadas pelos predicados boa filha e/ou esposa dedicada. É uma nova forma de se referir às patricinhas dos anos 90, onde não vemos muita mudança entre as duas: cabelos sedosos e muito bem cuidados com seus ombré hairs – ao invés das ballayagens, muito babyliss no lugar de muita chapinha, óculos e bolsas importadas de grifes clássicas.

Mas o termo it girl, de antigamente é praticamente o oposto do de hoje. Clara Bow, atriz do cinema mudo, que se tornou ícone dos loucos anos 20. Era uma sex simpol do seu tempo. O termo it girl surgiu através de seu filme de maior sucesso “It”, de 1927.

Clara, era uma garota com um ar misterioso que hipnotizava com seu olhar castanho, grande e expressivo. Fora das telas ela era conhecida por seus inúmeros casos amorosos, bebedeiras e escândalos. Uma bad girl que assim como a boa parte das atrizes do seu tempo teve um tempo curtíssimo de carreira, começou com 16 e encerrou aos 28 anos (e fez mais de 50 filmes). O termo it (Bow), era mais uma característica de personalidade (atitude).

A garota ícone, que magnetiza a platéia, a garota que todas queriam ser. É curioso ver como o termo foi subvertido na nossa era. Um termo quase de rebeldia e transgressão, agora é usado para definir as garotas ideais (filha e esposa perfeitas).

Fonte: modices.com

Esta entrada foi publicada em FASHION love. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta a A 1ª It Girl

  1. Jean disse:

    Era o que procurava. Grato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>